Skip to content

Redação

O Governo do Estado entregou 30 mil testes rápidos à Prefeitura de Cuiabá na última quarta-feira (29). O envio, mediado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), integra a ação que contribui diretamente para o aumento da capacidade de testagem dos municípios e auxilia o diagnóstico e tratamento precoces dos pacientes com coronavírus.

“O Governo de Mato Grosso segue auxiliando as prefeituras no combate à covid-19. Esses 30 mil testes fazem parte dos 400 mil adquiridos pela SES em uma força tarefa, na qual o Governo do Estado conseguiu pagar de 3 a 11 vezes mais barato que outros estados”, comentou o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

O gestor também explicou que, em paralelo ao envio dos testes, o Governo estadual também promove o atendimento no Centro de Triagem, que beneficia diretamente os municípios da Baixada Cuiabana.

Ao todo, o Estado disponibilizou o total de 300 mil testes rápidos aos 141 municípios do estado, sendo que a entrega iniciou na última semana. Até o momento, 80% dos municípios – o que representa 113 cidades – já assinaram o termo para retirada dos testes, faltando apenas 28.

De acordo com a SES, os municípios receberão quantidades proporcionais ao número de habitantes. Várzea Grande (24.225) e Rondonópolis (19.750) ocupam, respectivamente, o segundo e o terceiro lugares na escala de municípios com maior recebimento de testes.

O secretário Estadual de Saúde reforça que a SES incentiva a testagem no estado e lembra que já há comprovação de que não é apenas por meio do teste que se pode chegar ao diagnóstico. Isto é, o teste clínico também pode determinar se o paciente está com Covid-19 ou não.

Aquisições

Foram adquiridos pela SES, diretamente de uma fabricante chinesa cujos testes estão devidamente certificados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), 400 mil testes que custaram cerca de R$ 17,83 a unidade, considerando frete e o valor do dólar pago nas aquisições.

Além das aquisições, outros 100 mil testes foram doados pela empresa JBS, por meio do programa “Fazer o Bem Faz Bem – Alimentando o Mundo com Solidariedade”, e auxiliam no funcionamento do Centro de Triagem da Covid-19, que funciona no complexo da Arena Pantanal.

Deixe seu Comentário

Você precisa logarlogin para publicar um comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.