Ir para o conteúdo

Fiscais do Instituto de Pesos e Medidas de Mato Grosso (Ipem-MT) interditaram uma das bombas de posto de combustíveis na região do Parque Cuiabá, na terça-feira (26.10). Durante a ação, realizada em parceria com a Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon), foi constatado que um dos bicos da bomba apresentava vazão menor que o limite de tolerância.

De acordo com a diretora de fiscalização do Ipem-MT, Marli do Nascimento, a irregularidade traz prejuízo ao bolso do consumidor. “O bico recebia menor quantidade de combustível em relação ao valor cobrado do consumidor que abastecia no local”, explica.

Após a confirmação da irregularidade, o posto foi notificado para fazer a manutenção do instrumento irregular, que deverá ser realizada em oficina credenciada pelo Inmetro e após confirmada a regularização o equipamento é liberado para uso.

A penalidade é aplicada de acordo com a Lei nº 9933/1999, do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). O valor da multa varia entre R$ 100,00 e R$ 1,5 milhão.

A operação ocorreu após denúncias de irregularidades em cinco postos da Capital. Entretanto, nos demais postos não foram identificadas irregularidades.

Deixe seu Comentário

Você precisa logarlogin para publicar um comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.