Ir para o conteúdo

A Assembleia Legislativa realiza, a partir desta quinta-feira (23), às 19h, o VII Simpósio Sobre Dislexia – evento coordenado pelo deputado estadual Wilson Santos (PSD).

Com o tema “Novos caminhos e possibilidade na saúde e educação”, a proposta é discutir políticas públicas que garantam educação inclusiva e saúde pública de qualidade para estas pessoas. O evento será realizado no Plenário das Deliberações Renê Barbour.

De acordo com o coordenador do evento, no Brasil estima-se que existam cerca de 30 mil pessoas com dislexia.

“Desde o início do meu primeiro mandato, em 2015, tenho trabalhado na formatação de políticas públicas capazes de mitigar o sofrimento, a discriminação e a exclusões das pessoas com dislexia. No Brasil, há dados que demonstram que entre 4% a 8% da população é disléxica e já conseguimos aprovar, em Mato Grosso, seis leis em favor dessas pessoas. O simpósio tem papel fundamental para a criação dessas políticas públicas”, explicou Wilson Santos.

Este ano, a programação inclui seis palestras com o deputado estadual Wilson Santos, idealizador e coordenador do simpósio; Felipe Ponce (Oippo), publicitário criador do projeto/site Dislexclub; Alessandra Wajnsztejn, psicóloga e coordenadora do NEAFMABC; Rubens Wajnsztejn, neuropediatra e pesquisador; Maria Ângela Nogueira Nico, fonoaudióloga e presidente da Associação Brasileira de Dislexia; e o psicólogo Rauni Roama Jandé Alves.

O primeiro simpósio sobre dislexia da ALMT foi realizado em junho de 2016, com o objetivo de discutir políticas públicas inclusivas para a pessoa com distúrbios de aprendizagem (dislexia, disgrafia e discalculia).

Deixe seu Comentário

Você precisa logarlogin para publicar um comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.