Ir para o conteúdo
DA ISTOÉ

A briga entre Camila Queiroz e a Rede Globo acaba de ganhar um novo capítulo. De acordo com o Notícias da TV, a emissora está estudando uma forma de processar a atriz pela sua saída de “Verdades Secretas 2” antes do término das gravações.

A ação judicial é um revide contra o empresário Rick Medida, dono da agência que cuida da carreira de Camila.

Desde a semana passada, Medina e Camila consultam advogados próprios e deixam claro que pretendem ir à Justiça contra a rede líder de audiência por causa do comunicado que anunciou a saída às pressas da ex-modelo de 28 anos do folhetim de Walcyr Carrasco.

Inicialmente previstas para terminarem no último dia 17, as gravações de Verdades Secretas 2 foram esticadas mais uma vez por conta das exigências de Camila Queiroz e de seu representante. A emissora também se sentiu ofendida com postagens e comentários em redes sociais e com a nota oficial da atriz .

Advogados da Globo já estão em posse de algumas conversas, principalmente as que ocorreram em reuniões para discutir o aditivo contratual que faria Camila Queiroz gravar as últimas cenas de Verdades Secretas 2. Os representantes dizem ter material suficiente para defender a tese da empresa em qualquer ação.

Deixe seu Comentário

Você precisa logarlogin para publicar um comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.