Ir para o conteúdo

R7

As investigação da morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins continuam, mas esbarraram em um obstáculo.

Segundo o NY Post, Alec Baldwin não entregou seu celular para a polícia, como foi determinado em um mandado judicial.

O ator fez o disparo da arma que matou Halyna e feriu o diretor Joel Souza durante as gravações do filme Rust.

O Departamento de Polícia do Condado de Santa Fé, nos EUA, responsável pela investigação, divulgou a informação de que Baldwin ainda não entregou o aparelho. O mandado foi emitido em dezembro de 2021.

Investigadores acreditam que o celular contenha conversas que podem ser importantes para esclarecer alguns dos pontos da tragédia no set de filmagem.

Há alguns dias, Baldwin divulgou um vídeo nas redes sociais em que afirma que está disposto a colaborar com as investigações, mas que a entrega do celular é algo que leva tempo.

O detetive responsável pela investigação revelou que o advogado de Baldwin confirmou o recebimento do mandado por e-mail.

Ainda segundo o NY Post, como o ator reside em Nova York, a polícia de Santa Fé entrou em contato com a polícia de lá, mas as leis são diferentes nos dois lugares. Dessa forma, a promotoria do Condado de Suffolk, onde Baldwin tem uma casa, deve analisar o pedido de ajuda para conseguir o celular.

Deixe seu Comentário

Você precisa logarlogin para publicar um comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.